13 de junho de 2014

Copa do Mundo da FIFA e os alérgicos

Um dos maiores eventos de futebol do mundo acontece na cidade que agente mora e a principal preocupação é: será que vou conseguir alimentar minha filha lá?

Quando meu marido disse: "vamos assistir o jogo de abertura da Copa do Mundo no Itaquerão." logo
comecei a pensar o que deveria fazer para poder levar alimentos e remédios para a minha filha.
Fui preparada:
- Levei receita médica dizendo que minha filha é alergica às proteínas do leite de vaca e que tem choque anafilático em caso de consumo, mesmo que sejam traços.
- Levei outra receita médica prescrevendo a Epipen e os outros remédios que usamos em caso de urgência.
- Organizei lanches diversos, incluindo bebidas.
- Olhei com atenção o que seria vendido no estádio (nada que ela pudesse, exceto refrigerantes).

Como o jogo de abertura começava cedo planejamos almoçar e logo depois sair, então antes de entrar na Arena São Paulo comeríamos um lanche e beberíamos algo, e depois levaríamos mais alguns lanches para a minha filha poder comer lá dentro.
No regulamento é bem claro que não se pode levar comida para dentro da Arena, com exceção de diabéticos, e com esta abertura fomos resolvidos a levar o que fosse necessário para sobreviver das 14h até umas 19:30.

Foi muito mais tranquilo do que imaginei. Ao chegar no "Mug" onde se é revistado, existe uma fila preferencial para quem está com crianças, e eu logo fui dizendo que minha filha é alérgica, que eu tinha alimentos para ela e que estava com receitas médicas. A moça que fazia a revista disse que tudo bem, nem olhou as receitas só pediu que nós passássemos todas as bolsas pelo raio-x.
Feito isso entramos e fomos felizes.

O estádio estava todo amarelo e torcer tão de perto foi muito emocionante, especialmente para minha filha que nunca havia ido a um estádio.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...